A importância da água com limão no desjejum

dr-waisman-agua-limao.jpg

O limão é rico em inúmeros elementos benéficos ao corpo humano. A decisão de ingeri-lo, dissolvido em água morna, em jejum, pode ajudar a diminuir o nível de acidez do corpo , ajudando, assim, a alcalinizar o sangue e os orgãos, o que pode prevenir doenças e contribuir para um equilíbrio metabólico. Tudo isso deve-se à presença do ácido cítrico e do ácido ascórbico, que dentro do corpo tornam-se alcalinos e são facilmente metabolizados. Assim, além de dar ao corpo um elemento alcalinizante, a prática proporciona água para hidratar o organismo. 

A presença da vitamina C proporciona efeitos anti-inflamatórios e antioxidantes e também facilita a absorção de ferro no corpo. Ela age, bloqueando a ação dos radicais livres, e o resultado disso é uma visível melhora na pele, no cabelo e também ajuda a evitar a perda de massa magra ou muscular. A função diurética do suco de limão ajuda a eliminar, em um ritmo mais rápido, as toxinas existentes no corpo humano, contribuindo para a desintoxicação.

Além de se livrar das toxinas do corpo ao ingerir a água com limão no desjejum, outro elemento existente na fruta são as saponinas, que contam com propriedades antimicrobianas. O estômago também beneficia-se diretamente da prática, visto que a as qualidades digestivas do limão atuam aliviando os sintomas da indigestão, como a azia. Para os que querem emagrecer, o limão também é rico em fibra pectina, que ajuda a moderar os desejos exagerados de comer.