Meditação e Qualidade de vida

Você sabe como o seu corpo e sua mente reagem à prática regular da meditação? Além dos benefícios mais clássicos, como a redução do estresse e da ansiedade do praticante, a meditação provoca, também, alterações fisiológicas no corpo humano. O cérebro é o primeiro a ser positivamente afetado pelas práticas meditativas. A ativação de certas áreas cerebrais, como as relacionadas ao bem-estar, faz com que o cérebro desenvolva novas e saudáveis conexões a partir da meditação. Já as células do organismo são preenchidas com mais energia, o que resulta em sensações de alegria, paz e energia. A alta pressão sanguínea também pode ser melhor controlada, além, das tensões relacionadas com a dor, como a dor de cabeça, dores musculares problemas estomacais. O sistema imunológico, por sua vez, fica fortalecido e, assim, menos suscetível a doenças.

A saúde mental se beneficia com a prática da meditação de diversas maneiras. Estimular a criatividade, a inteligência e a memória são algumas delas mas, além disso, há um evidente aumento do bem-estar e da autoestima. A prática meditativa ajuda, ainda, no desenvolvimento da intuição e em uma maior estabilidade emocional. Assim, desligar-se, por alguns minutos que seja, do mundo virtual e real e conectar-se com o seu eu interior traz, ao praticante da meditação, uma relevante melhora em sua qualidade de vida.

bem-estarClínica Waisman