Vícios Alimentares

Vício alimentar ou falta de autocontrole? Afinal, quem decide o que e quando você come? a resposta é óbvia: você. Quando o desejo de comer um doce, todos os dias, após o almoço, se torna um vício alimentar? Se você comeu o suficiente para passar a fome e, em seguida, sentiu vontade de comer algo mais, um doce, por exemplo, é hora de ativar o autocontrole para isso não se tornar um vício alimentar. Comer até passar mal é outro tipo de vício que pode desencadear distúrbios alimentares mais graves. Nesse estágio, é preciso que a pessoa procure por uma ajuda profissional. 

Outras situações cotidianas também podem sinalizar a existência de transtornos surgidos a partir de vícios alimentares e que demandam mais cuidados. O hábito repetitivo de comer todos os dias um mesmo doce, por exemplo, provavelmente irá gerar dependência e isso irá causar desconforto, uma vez que a pessoa adquiriu esse vicio não vai conseguir parar de comer e precisará do acompanhamento de especialistas. 

O ato de comer para tentar aliviar situações emocionais, seja por ansiedade, medo, culpa, recompensa, raiva, angústia, também trará à tona transtornos e vícios alimentares. Diante de tudo isso, é necessário ressaltar que o que está em jogo é a sua saúde e, portanto, é de suma importância dar a devida atenção a isso e tomar todas as providências necessárias para a prevenção ou tratamento dos sintomas e das respectivas doenças decorrentes desse mau hábito.

Clínica Waisman